A Entersekt oferece orientação sobre como proteger o canal móvel em meio às advertências do FBI

O Federal Bureau of Investigation dos EUA adverte que os cibercriminosos estão visando cada vez mais os aplicativos de banco móvel – eis o que os bancos podem fazer

ATLANTA, EUA & CIDADE DO CABO, África do Sul--()--Entersekt, especialista mundial em soluções de segurança digital, divulgou hoje seu guia atualizado para instituições financeiras: um documento técnico intitulado Securing the Mobile Banking Channel. Trata-se de uma resposta à advertência do FBI, de que é provável que aumentem os ataques a aplicativos bancários por cibercriminosos e fraudadores, uma vez que os consumidores confinados em casa durante a pandemia da COVID-19 dependem mais dessas plataformas. E com pesquisas recentes apontando uma grande desconfiança nas comunicações bancárias entre clientes bancários no Reino Unido, nunca foi tão importante para as instituições financeiras dispor de uma segurança correta do canal móvel.

“As soluções atuais para fraude digital não conseguiram aliviar a inquietação do consumidor em relação à segurança dos bancos móveis e tiveram um impacto negativo na experiência do usuário”, disse Christian Ali, vice-presidente sênior de Produtos da Entersekt. “Enquanto isso, o malware móvel está evoluindo rapidamente, ameaçando piorar a situação. Se os bancos quiserem proteger seus clientes contra fraudes de controle de contas e garantir seu futuro em um mercado com problemas, eles devem reengenhar de maneira inteligente a autenticação de usuário e as transações no canal móvel, como o primeiro passo crucial nesse caminho.”

O documento técnico de acesso gratuito da Entersekt descreve as oportunidades apresentadas pelos dispositivos móveis, bem como o novo conjunto de ameaças que surgem deles, incluindo o aumento explosivo de malware móvel, vulnerabilidades decorrentes do design e configuração inadequados do aplicativo, pontos fracos na identificação, bem como autenticação defeituosa. É importante ressaltar que também aborda o equilíbrio necessário entre segurança e facilidade de uso em conformidade com os regulamentos. Em outras palavras, como as instituições financeiras podem resolver a equação de segurança e experiência do usuário.

Em seguida, estabelece as práticas recomendadas para proteger o canal móvel, para que as organizações assumam o controle total sobre sua segurança. Isso inclui:

  • Evitar a dependência de SMS, OTPs e segurança de dispositivos nativos
  • Aproveitar o poder da infraestrutura de chave pública nos telefones celulares
  • Construir um segundo canal seguro para transações e autenticação do usuário
  • Adotar uma abordagem em camadas para aumentar a segurança de transações de alto valor e risco
  • Envolver os clientes na proteção de suas transações

Faça o download do Securing the mobile banking channel aqui.

Sobre a Entersekt

A Entersekt é uma inovadora das soluções móveis fintech pioneiras. Os prestadores de serviços financeiros e outras empresas confiam em seu sistema de identidade móvel patenteado para fornecer segurança e o melhor em novas experiências digitais convenientes para seus clientes, independentemente do canal de serviço. Seja buscando a conformidade por meio de autenticação forte e segurança de aplicativos de ponta ou procurando atender à demanda do consumidor por recursos de compartilhamento e pagamento “on-the-go”, os clientes da Entersekt sempre desfrutam de uma vantagem competitiva. Para mais informações sobre a Entersekt, acesse www.entersekt.com.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

Contacts

Entersekt
Heather Thompson, vice-presidente sênior de Marketing e Comunicação
021 815 2800

Contacts

Entersekt
Heather Thompson, vice-presidente sênior de Marketing e Comunicação
021 815 2800