Women 20 (W20) desafia líderes do G20 a fecharem a lacuna entre a imaginação e a realidade sobre a igualdade das mulheres

Communiqué do W20 oferece recomendações para acelerar a recuperação econômica por meio do empoderamento das mulheres

W20 Chair Dr. Thoraya Al Obaid and G20 Chair of Trade and Investment His Excellency Dr. Majid Alqassabi with the final Communiqué of the W20 Working Group (Photo: AETOSWire)

RIADE, Arábia Saudita--()--O Women 20 (W20), grupo de engajamento das mulheres no G20, desafiou os líderes do G20 a cumprirem suas promessas do passado, tornando a igualdade econômica das mulheres uma realidade.

Apresentando medidas para acelerar a recuperação econômica com a pandemia da COVID-19, o W20 apresentou seu Communiqué à Sua Excelência o Dr. Majid Alqassabi, ministro do Comércio, presidente de Comércio e Investimento do G20, representando a presidência do G20.

A pandemia oferece uma oportunidade para os líderes do G20 redefinirem as economias do G20 com base na participação plena e igualitária das mulheres.

“A menos que ações urgentes sejam tomadas, a pandemia continuará exacerbando as desigualdades de gênero, expondo vulnerabilidades e revertendo os ganhos obtidos para a igualdade das mulheres. As mulheres sofrerão um impacto negativo desproporcional e serão deixadas para suportar o impacto de uma crise multidimensional”, disse a Dra. Thoraya Al Obaid, presidente do W20.

“Os líderes do G20 precisam agir agora. Se não este ano, que expôs as fissuras em nossas culturas, políticas e serviços públicos, quando?”

Principais medidas que os líderes do G20 devem tomar imediatamente para acelerar a recuperação econômica inclusiva:

  1. Garantir representação semelhante das mulheres em todos os níveis de tomada de decisão nos setores público e privado.
  2. Adotar um planejamento fiscal com perspectiva de gênero para promover uma força de trabalho inclusiva.
  3. Aumentar o investimento em infraestrutura social, como cuidados com crianças e dependentes, saúde, educação e treinamento, para criar empregos e construir resiliência.
  4. Implementar mecanismos de proteção social e de renda que capturem todos os trabalhadores, especialmente em países de baixa renda.
  5. Estimular o empreendedorismo das mulheres apoiando o início, a expansão e a sustentabilidade de empresas pertencentes a mulheres, especialmente na economia digital.
  6. Aumentar o acesso à tecnologia digital para mulheres e meninas, especialmente em áreas remotas e rurais, por meio de infraestrutura, conectividade de alta velocidade e treinamento de habilidades.
  7. Fazer parcerias com instituições financeiras públicas e privadas para desenvolver produtos financeiros digitais de fácil acesso.
  8. Financiar pesquisas e coleta de dados repartidas por sexo durante a pandemia.

O W20 está preocupado com a falta de reconhecimento direto pelos líderes do G20 do impacto que a pandemia e as respostas nacionais estão tendo sobre as mulheres. Até agora, os pacotes de ajuda nacional não atendem às necessidades financeiras e institucionais específicas das mulheres. O Communiqué entregue aborda essas deficiências para conseguir mudanças duradouras para as mulheres em todo o mundo.

*Fonte: AETOSWire

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

Contacts

Omar Ahmad
W20media@apcoworldwide.com

Contacts

Omar Ahmad
W20media@apcoworldwide.com