GSMA Anuncia Conclusão do Primeiro Teste de Roaming de NB-IoT na Europa

Deutsche Telekom e Vodafone Group Concluem Teste de Roaming de NB-IoT com Sucesso na Europa; 51 Redes Comerciais Licenciadas de Ampla Área com Baixo Consumo de Energia Agora em Serviço

LONDRES--()--A GSMA anunciou hoje que as operadoras de telefonia móvel Deutsche Telekom e Vodafone Group concluíram com sucesso o primeiro teste de roaming internacional na Europa utilizando tecnologia licenciada de NB-IoT. O serviço irá assegurar a perfeita cobertura e serviço de modo contínuo para milhões de conexões utilizando redes de Ampla Área com Baixo Consumo de Energia (LPWA). O teste foi realizado empregando SIMs globais da Deutsche Telekom na rede Vodafone na Espanha e SIMs globais da Vodafone na rede T-Mobile da Áustria bem como módulos comerciais de NB-IoT. Os testes também irão proporcionar orientação a outras operadoras no fornecimento de um nível consistente de implementação.

“O sucesso destes testes é um importante marco no desenvolvimento de um ambiente sustentável de roaming para redes de Mobile IoT, mostrando suas capacidades bem como assegurar serviços consistentes além das fronteiras geográficas”, disse Alex Sinclair, Diretor de Tecnologia na GSMA. “O mercado amadureceu consideravelmente em um tempo muito curto e antecipamos que será o ano em que a Mobile IoT está em ascensão. Sem dúvida, isto ocorre pois apenas serviços móveis geridos e licenciados podem fornecer a conexão segura com baixo consumo de energia, a fim de satisfazer futuras demandas.”

A roaming é particularmente importante para os fabricantes implantarem dispositivos de LPWA em uma base mundial e perceber o benefício de economias em escala. Também é crucial para casos de uso como rastreamento de logística, que pode envolver containers cruzando diversas fronteiras internacionais em uma viagem única, bem como para dispositivos que podem ser fabricados em um país, mas implantado em outro, como medidores inteligentes. Os casos de teste de roaming foram desenvolvidos continuamente pela Deutsche Telekom e Vodafone e incluem importantes características de economia de energia como Modo de Economia de Energia (PSM), Atualização de Área de Rastreamento de Longo Período (TAU) bem como várias medidas de capacidade de processamento e tempo de ida e volta. Com destaque pelo sucesso destes testes, a indústria está trabalhando para acelerar a adoção da roaming de NB-IoT ao redor do mundo.

“A Deutsche Telekom introduziu e desenvolveu com sucesso redes de NB-IoT na maior parte de sua cobertura na Europa, sendo que estamos muitos satisfeitos em ver o ecossistema expandir rapidamente”, disse Ingo Hofacker, responsável por negócios de IoT no Grupo Deutsche Telekom. “As primeiras ofertas comerciais já estão disponíveis em uma base nacional, porém as operadoras precisam satisfazer agora a demanda de clientes tanto para cobertura internacional como pela continuidade dos serviços.”

O diretor de IoT da Vodafone, Stefano Gestaut, disse “Este desenvolvimento mostra a evolução bem-sucedida da terminologia e estou confiante que irá conduzir a uma série de novos aplicativos para NB-IoT, como o monitoramento de distribuição de bens além das fronteiras.

A iniciativa Mobile IoT da GSMA tem apoiado tecnologias LPWA licenciadas padronizadas, incluindo NB-IoT e LTE-M em 3GPP, sendo que até o momento, 29 operadoras de telefonia móvel lançaram 51 redes comerciais de Mobile IoT ao redor do mundo. A GSMA está trabalhando para acelerar a adoção de Mobile IoT mediante 36 Laboratórios de IoT Aberta, permitindo operadoras, fornecedores de módulos e provedores de aplicativos desenvolverem dispositivos e aplicativos de LPWA para uma ampla variedade de setores verticais. A Comunidade de Inovadores de Mobile IoT da GSMA é apoiada por uma comunidade em expansão de mais de 900 organizações. Segundo previsões da GSMA Intelligence até 2025 haverá 3,1 bilhões de conexões via IoT por celular, incluindo 1,8 bilhões de conexões de LPWA licenciadas.

A iniciativa Mobile IoT da GSMA tem suporte de mais de 70 operadoras de telefonia móvel a nível mundial, fabricantes de dispositivos e empresas internacionais de infraestrutura, módulos e conjuntos de circuitos integrados, que ajudam a indústria a padronizar e fornecer tecnologias comerciais de Ampla Área com Baixo Consumo de Energia no espectro de licença, em particular tecnologias complementares de NB-IoT e LTE-M. Estas redes são concebidas para apoiar aplicativos de IoT do mercado em larga escala mediante uma ampla variedade de aplicativos como rastreamento de ativos industriais, monitoramento de segurança ou medição de consumo de água e gás, que são de baixo custo, utilizam baixas taxas de transferência de dados, necessitam de baterias de longa vida útil e muitas vezes operam em locais remotos.

Para mais informação sobre a iniciativa Mobile IoT, visite: www.gsma.com/iot/mobile-iot-initiative/.

-FIM-

Sobre a GSMA
A GSMA representa os interesses de operadoras de telefonia móvel em todo o mundo, unindo quase 800 operadoras com mais de 300 empresas no ecossistema mais amplo de mobilidade, incluindo fabricantes de telefones celulares e dispositivos, empresas de software, fornecedores de equipamentos e empresas de Internet, bem como organizações em setores industriais adjacentes. A GSMA também produz eventos de liderança industrial como o Mobile World Congress, Mobile World Congress Shanghai, Mobile World Congress Americas e conferências Mobile 360 Series.

Para mais informação, visite o site corporativo da GSMA em www.gsma.com. Siga a GSMA no Twitter: @GSMA.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

Contacts

Pela GSMA
Beau Bass
+44 79 7662 4962
beau.bass@webershandwick.com
ou
Assessoria de Imprensa da GSMA
pressoffice@gsma.com

Contacts

Pela GSMA
Beau Bass
+44 79 7662 4962
beau.bass@webershandwick.com
ou
Assessoria de Imprensa da GSMA
pressoffice@gsma.com