GSMA lança iniciativa de rede de área ampla com baixo consumo de energia para acelerar o crescimento da Internet das Coisas

Apoiada por operadores móveis, fabricantes e empresas de IoT, medida ajudará a acelerar o mercado de LPWA com soluções comerciais esperadas para 2016

LONDRES--()--A GSMA anunciou hoje que estabeleceu a “Mobile IoT Initiative” (em tradução livre, iniciativa da Internet das Coisas móveis), um novo projeto apoiado por 26 organizações líderes mundiais, entre operadores móveis, fabricantes e empresas de chipset, módulos e de infraestrutura, com objetivo de abordar o uso das soluções de LPWA (sigla em inglês para “Low Power Wide Area” – ou área ampla com baixo consumo de energia) em espectro licenciado. O novo grupo vai trabalhar para acelerar a disponibilidade comercial da tecnologia da Internet das Coisas móveis, facilitando demonstrações, provas de conceito e testes de várias tecnologias complementares de espectro licenciado de área ampla com baixo consumo de energia. Também fornecerá análise e feedback para auxiliar na padronização das tecnologias 3GPP. Espera-se que as especificações iniciais para as soluções de LPWA sejam concluídas até o final de 2015, com uma primeira aplicação estipulada para o início de 2016 e soluções comerciais completas nos anos posteriores.

As redes de área ampla com baixo consumo de energia são projetadas para aplicações M2M (máquina a máquina) que possuem baixas taxas de dados e bateria de longa duração e que operam sem supervisão por longos períodos de tempo. É uma área emergente da Internet das Coisas (IoT) e representa uma grande oportunidade de mercado à medida que esse setor cresce. Empresas de análise, como Analysys Mason, Machina Research e Strategy Analytics, preveem que haverá 2,7 bilhões de conexões de LPWA até 2022.

“A oportunidade de mercado para a LPWA será um importante impulsionador no desenvolvimento da Internet das Coisas e é crucial que a indústria de telefonia móvel encare as exigências da área ampla com baixo consumo de energia logo no início do processo”, afirmou Alex Sinclair, diretor geral e diretor de Tecnologia da GSMA. “A indústria está claramente unida em prol da iniciativa da Internet das Coisas móveis, proporcionado uma visão única para acelerar a disponibilidade de soluções-padrão da indústria e eliminando a fragmentação do mercado a fim de acelerar a adoção.”

Tecnologias complementares utilizando o espectro licenciado

Uma única tecnologia não é capaz de abordar todos os casos de uso de LPWA. Por isso, a iniciativa se centrará em três modelos complementares de 3GPP licenciados: evoluções da LTE, evoluções da GSM e tecnologias de Clean Slate. As tecnologias de área ampla com baixo consumo de energia em espectro licenciado podem ser implementadas de forma simplificada e com baixo custo, sem sacrificar as principais necessidades dos clientes, tais como a segurança e duração da bateria.

Os operadores móveis já oferecem plataformas "end-to-end" fiáveis da Internet das Coisas que permitem ao usuário dimensionar e gerenciar os seus requisitos de negócios. Elas também contam com uma cobertura de rede global inigualável, assim como suporte técnico e comercial para reagir à evolução e atender as necessidades do cliente.

Apoio de toda a indústria

A iniciativa foi apoiada por importantes partícipes da indústria, incluindo a AT&T, Alcatel-Lucent, Bell Canada, China Mobile, China Telecom, China Unicom, Deutsche Telekom, Ericsson, Etisalat, Huawei, Gemalto, Intel, KDDI, Nokia, NTT DOCOMO, Ooredoo, Orange,

Qualcomm Incorporated, Sierra Wireless, Singtel, Telecom Italia, Telefonica, Telenor, Telstra, u-blox e Vodafone.

-FIM-

Sobre a GSMA

A GSMA representa os interesses das operadoras móveis no mundo todo, reunindo cerca de 800 operadoras e mais de 250 empresas do amplo ecossistema da tecnologia móvel, incluindo fabricantes de aparelhos e dispositivos, empresas de software, fornecedores de equipamentos e empresas de internet, assim como organizações em setores industriais adjacentes. A GSMA também realiza os principais eventos da indústria, como o Mobile World Congress, o Mobile World Congress de Xangai e as conferências do Mobile 360 Series.

Para mais informações, acesse o site corporativo da GSMA em www.gsma.com. Siga a GSMA no Twitter: @GSMA.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

Contacts

Para a GSMA
Charlie Meredith-Hardy
+44 7917 298428
CMeredith-Hardy@webershandwick.com
ou
Assessoria de Imprensa da GSMA
pressoffice@gsma.com

Contacts

Para a GSMA
Charlie Meredith-Hardy
+44 7917 298428
CMeredith-Hardy@webershandwick.com
ou
Assessoria de Imprensa da GSMA
pressoffice@gsma.com