ViacomCBS pronta para vender Simon & Schuster à Penguin Random House pelo valor de US$ 2,175 bilhões

NOVA YORK--()--ViacomCBS Inc. (NASDAQ: VIAC, VIACA) anunciou hoje que entrou na fase de contrato definitivo para a venda da editora Simon & Schuster (“Simon & Schuster”) à Penguin Random House LLC (“Penguin Random House”), uma subsidiária integral da Bertelsmann SE & Co. KGaA, por US$ 2,175 bilhões em dinheiro.

Esta cessão vem após uma revisão estratégica dos ativos não essenciais que a ViacomCBS empreendeu no início de 2020. Os rendimentos da transação serão usados para investir em prioridades de crescimento estratégico da ViacomCBS, incluindo a oferta de streaming, assim como para financiar os dividendos e amortizar dívidas.

Esta transação é o resultado de um leilão altamente competitivo que atraiu o interesse de compradores do mundo inteiro, refletindo a posição da Simon & Schuster como uma das marcas editoriais mais conhecidas do mundo. A Simon & Schuster tem mais de 30 unidades de publicação em temas adultos, infantis, de áudio e internacionais. Seu portfólio de autores de best-sellers inclui Stephen King, Doris Kearns Goodwin e Jason Reynolds, e possui uma rica lista de títulos favoritos permanentes, como Ardil 22 e Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes.

A conclusão da transação está prevista para 2021, sujeita às condições habituais de fechamento, incluindo as aprovações regulatórias. Após o fechamento, a Simon & Schuster continuará a ser gerenciada como uma unidade de publicação separada, sob a administração da Penguin Random House, Jonathan Karp, presidente e diretor executivo (CEO) da Simon & Schuster, e Dennis Eulau, diretor de operações (COO) diretor financeiro (CFO), que continuarão à frente da editora.

A LionTree Advisors está atuando como consultora financeira exclusiva e a Shearman & Sterling LLP está atuando como consultora jurídica da ViacomCBS nesta transação.

Declaração preventiva relacionada às declarações prospectivas

Este comunicado contém declarações históricas e prospectivas. Todas as declarações que não são declarações de fatos históricos são, ou podem ser consideradas, declarações prospectivas no âmbito do significado da seção 27A do Securities Act de 1933 (Lei de Valores Mobiliários), conforme alterada, e da seção 21E do Securities Exchange Act de 1934, conforme alterada. Da mesma forma, as declarações que descrevem nossos objetivos, planos ou metas são, ou podem ser, declarações prospectivas. Estas declarações prospectivas refletem as nossas expectativas atuais com relação aos resultados e eventos futuros; geralmente podem ser identificadas pelo uso de declarações que incluem palavras como "acreditar", "esperar", "antecipar", "pretender", "planejar", "prever", "provável", "irá", "pode" “poderia”, “estimar” ou outras palavras ou frases semelhantes; e envolvem riscos conhecidos e desconhecidos, incertezas e outros fatores que são difíceis de prever e que podem fazer com que os nossos resultados, desempenho ou realizações reais difiram de quaisquer resultados, desempenho ou realizações futuros expressos ou implícitos por essas declarações. Estes riscos, incertezas e outros fatores incluem, entre outros: o impacto da pandemia da COVID-19 (e outras emergências de saúde ou pandemias generalizadas) e as medidas tomadas em resposta a isso; desenvolvimentos tecnológicos, ofertas de conteúdo alternativo e seus efeitos em nossos mercados e no comportamento do consumidor; o impacto em nossas receitas de publicidade de mudanças na audiência de conteúdo dos consumidores, deficiências na medição de audiência e condições do mercado publicitário; a aceitação do público de nossas marcas, programação, filmes, conteúdo publicado e outros conteúdos de entretenimento nas várias plataformas em que são distribuídos; aumento dos custos com programação, filmes e outros direitos; a perda de talentos importantes; competição por conteúdo, público, publicidade e distribuição em setores em consolidação; o potencial de perda de transporte ou outra redução ou o impacto das negociações para a distribuição de nosso conteúdo; os riscos e custos associados à integração dos negócios da CBS Corporation e da Viacom Inc. e investimentos em novos negócios, produtos, serviços e tecnologias; evolução dos riscos de cibersegurança e outros riscos semelhantes; a falha, destruição ou violação de satélites ou instalações essenciais; roubo de conteúdo; fatores políticos nacionais e globais, econômicos e/ou regulatórios que geralmente afetam nossos negócios; volatilidade nos mercados de capitais ou redução em nossas classificações de dívida; greves e outras atividades sindicais; flutuações em nossos resultados devido ao tempo, mixagem, número e disponibilidade de nossos filmes e outras programações; perdas devido a encargos de depreciação de ativos para ágio, ativos intangíveis, licenças FCC e programação; passivos relacionados a operações descontinuadas e negócios anteriores; potenciais conflitos de interesse decorrentes de nossa estrutura acionária com um acionista controlador; e outros fatores descritos em nossos comunicados de imprensa e arquivamentos junto à Securities and Exchange Commission (Comissão de Valores Mobiliários), incluindo, mas não se limitando ao nosso relatório anual mais recente no Formulário 10-K e relatórios no Formulário 10-Q e Formulário 8-K. Pode haver riscos, incertezas e fatores adicionais que atualmente não contemplamos como materiais ou que não são necessariamente conhecidos. As declarações prospectivas incluídas neste comunicado são feitas somente a partir da data desta comunicação e não assumimos nenhuma obrigação de atualizar publicamente quaisquer declarações prospectivas para refletir eventos ou circunstâncias subsequentes.

Sobre a ViacomCBS

A ViacomCBS (NASDAQ: VIAC; VIACA) é uma empresa com liderança global no setor de mídia e entretenimento, que cria conteúdo e experiências de alto nível para públicos do mundo inteiro. Apoiada por marcas icônicas do consumidor, seu portfólio inclui as redes CBS, Showtime Networks, Paramount Pictures, Nickelodeon, MTV, Comedy Central, BET, CBS All Access, Pluto TV, Simon & Schuster, entre outras. A empresa oferece a maior parcela da audiência televisiva dos Estados Unidos e possui uma das mais importantes e extensas bibliotecas de títulos de TV e filmes do setor. Além de oferecer serviços inovadores de streaming e produtos de vídeo digital, a ViacomCBS oferece recursos poderosos em soluções de produção, distribuição e publicidade para parceiros nos cinco continentes.

Para mais informações sobre a ViacomCBS, visite www.viacomcbs.com e siga @ViacomCBS nas plataformas sociais.

Sobre a Simon & Schuster

Simon & Schuster, uma empresa da ViacomCBS, é líder global em publicações de interesse geral e se dedica a oferecer o que há de melhor em ficção e não ficção a leitores de todas as idades e em todos os formatos, seja impresso, digital ou de áudio. Sua distinta lista de autores inclui muitos dos escritores mais populares e amplamente reconhecidos do mundo, além de ganhadores das mais prestigiosas honrarias e prêmios literários. É o lar de diversas marcas e divisões conhecidas, como a Simon & Schuster, Scribner, Atria Books, Gallery Books, Pocket Books, Adams Media, Simon & Schuster Children's Publishing e Simon & Schuster Audio, além de empresas internacionais na Austrália, Canadá, Índia e Reino Unido. Ela carrega com orgulho as obras de seus autores a leitores em mais de 200 países e territórios.

Para obter mais informações, visite nosso site em  www.simonandschuster.com.

VIAC-IR

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

Contacts

Mídia:
Justin Dini
Vice-presidentes executivo, chefe de Comunicações Corporativas, ViacomCBS
(917) 216-7629
justin.dini@viacom.com

Adam Rothberg
Vice-presidente, Comunicações Corporativas, Simon & Schuster
(212) 698-1132
adam.rothberg@simonandschuster.com

Investidores:
Anthony DiClemente
Vice-presidentes executivo, Relações com Investidores, ViacomCBS
(917) 796-4647
anthony.diclemente@viacom.com

Contacts

Mídia:
Justin Dini
Vice-presidentes executivo, chefe de Comunicações Corporativas, ViacomCBS
(917) 216-7629
justin.dini@viacom.com

Adam Rothberg
Vice-presidente, Comunicações Corporativas, Simon & Schuster
(212) 698-1132
adam.rothberg@simonandschuster.com

Investidores:
Anthony DiClemente
Vice-presidentes executivo, Relações com Investidores, ViacomCBS
(917) 796-4647
anthony.diclemente@viacom.com