Patient Safety Movement Foundation nomeia as três instituições de saúde que demonstraram salvar mais vidas

As instituições vencedoras recebem um convite especial para uma viagem exclusiva de pesca com o presidente Carter e a primeira-dama Rosalynn

IRVINE, Califórnia--()--A Patient Safety Movement Foundation anunciou os vencedores de seu concurso para selecionar as três instituições de saúde que demonstraram salvar mais vidas por meio de seus compromissos com a erradicação das mortes evitáveis até 2020. Um representante e um acompanhante de cada uma dessas organizações participará com o ex-presidente Carter e a ex-primeira-dama Rosalynn de uma viagem privada de pesca no Brigadoon Lodge, localizado nas montanhas do norte da Geórgia.

A viagem ocorrerá nos dias 18 e 19 de setembro de 2015. Os vencedores também são homenageados na quarta edição anual da Cúpula de Segurança de Pacientes, Ciência e Tecnologia (Patient Safety, Science & Technology Summit), a ser realizada nos dias 22 e 23 de janeiro de 2016 no Laguna Cliffs Marriott Resort and Spa, Dana Point, Califórnia.

“Temos muito orgulho do Hospital Quality Institute, da Intermountain Healthcare e do Centro Médico da Universidade de Pittsburgh (UPMC). Esta será uma viagem inesquecível para os nossos ganhadores, mas o mais importante é a chance dada aos pacientes salvos pelos esforços desses hospitais na erradicação das mortes evitáveis, pois esses pacientes terão muitos anos mais junto a seus amigos e familiares”, afirmou Joe Kiani, fundador da Patient Safety Movement Foundation. “Temos a oportunidade e a responsabilidade de liderar o caminho da erradicação de mortes evitáveis. Eu ainda me lembro nitidamente quando tratei desse problema com o presidente Carter. A grande dimensão da crise em matéria de segurança de pacientes nos Estados Unidos e no mundo todo o fez parar e, sem nenhuma hesitação, dizer que desejava colaborar com esse esforço. Essa competição e o inestimável apoio do presidente Carter nos ajudaram a avançar uma etapa importante na luta para salvar vidas. Cada um dos 400 hospitais que participaram do concurso é um vencedor, e especialmente seus pacientes.”

“Para nós, é uma grande honra aceitar este prêmio, e estamos muito orgulhosos de nossos hospitais da Califórnia”, declarou Julie Morath, presidente e diretora executiva do Hospital Quality Institute. “Nosso instituto foi criado para acelerar as melhorias na segurança de pacientes na qualidade do tratamento em todo o estado. Em um período relativamente curto, os três compromissos que estabelecemos junto à Patient Safety Movement Foundation já salvaram mais de 5.000 vidas até este momento. Estamos muito emocionados pela oportunidade de encontro com o ex-presidente Carter e a ex-primeira-dama Rosalynn para discutirmos o trabalho que estamos realizando nessa área. Essa será uma viagem realmente inesquecível para nós.”

“Para o UPMC, é uma grande honra sermos reconhecidos pela Patient Safety Movement Foundation por nosso compromisso em salvar vidas”, disse Tami Minnier, diretora de qualidade do UPMC. “Estamos ansiosos para nos encontrar com o presidente Carter e a primeira-dama Rosalynn, e compartilharmos as nossas conquistas com iniciativas de segurança como a redução de transfusões de sangue desnecessárias e potencialmente prejudiciais.”

“A Intermountain Healthcare tem a honra de ser reconhecida pelo presidente Carter por nossos esforços na área de segurança de pacientes. Eu aceito esse reconhecimento em nome de toda a equipe de linha de frente e médicos que realmente fazem a diferença”, afirmou Robin Betts, enfermeira registrada, vice-presidente assistente de qualidade e segurança da Intermountain Healthcare. “Ao aceitarmos humildemente essa homenagem, percebemos também que, desde que tenhamos um único paciente sob os nossos cuidados, temos muito trabalho a fazer. Agradecemos o apoio da Patient Safety Movement Foundation, que reúne diversas partes envolvidas do setor para que todos nós, por meio da colaboração, possamos oferecer uma assistência à saúde mais segura a todas as pessoas.”

Esta é a lista das três instituições vencedoras:

Hospital Quality Institute (HQI)

O Hospital Quality Institute esteve à frente do concurso com 5.019 vidas salvas através de três compromissos. Essa organização sem fins lucrativos foi estabelecida em 2013 para exercer impacto em todo o estado na melhoria da segurança de pacientes e na qualidade de tratamento para todos os californianos, acelerando o nível de melhorias e fazendo a Califórnia avançar como líder nacional em desempenho de qualidade. O HQI representa mais de 400 hospitais no estado da Califórnia. Seus três compromissos estabelecidos foram eliminar danos evitáveis aos pacientes hospitalizados, reduzir as mortes por sepsia e eliminar a mortalidade e a morbidade no tratamento de maternidade.

Intermountain Healthcare

A Intermountain Healthcare salvou 322 vidas ao reduzir eventos adversos a medicamentos (AEM). Sua meta assumida foi reduzir os AEMs em 7% e, como resultado de seus esforços, tais eventos tiveram uma redução de 10% em 2015. A instituição é um sistema de saúde sem fins lucrativos baseada em Salt Lake City e com mais de 34 mil funcionários. Atendendo as necessidades dos habitantes de Utah e Idaho, o sistema da Intermountain – composto por 22 hospitais, médicos, clínicas e planos de saúde – fornece assistência médica de excelente qualidade clínica a um custo acessível. Além de seu compromisso para a redução de AEMs, a organização comprometeu-se a reduzir as infecções de corrente sanguínea associadas ao uso de cateter venoso central e as infecções associadas ao cateter urinário (respectivamente, CLABSI e CAUTI, em inglês).

O Centro Médico da Universidade de Pittsburgh (UPMC)

O Centro Médico da Universidade de Pittsburgh salvou 137 vidas através de diversos compromissos assumidos junto à Patient Safety Movement Foundation. A instituição é uma prestadora e seguradora de saúde sem fins lucrativos de renome mundial com sede em Pittsburgh, Pensilvânia. Ela está desenvolvendo novos modelos de assistência responsável, economicamente acessível e centrada no paciente. O UPMC opera mais de 20 hospitais acadêmicos, comunitários e especializados, mais de 500 consultórios médicos e unidades ambulatoriais, emprega 3.500 profissionais médicos e oferece uma série de recursos e instalações de longo prazo para reabilitação e descanso. Seus compromissos abrangem quatro áreas de segurança de pacientes: eliminar infecções em unidades cirúrgicas, eliminar as infecções de corrente sanguínea associadas ao uso de cateter venoso central (CLABSI, na sigla em inglês), reduzir falhas em transferências e em programas de gerenciamento sanguíneo de pacientes.

Sobre a Patient Safety Movement Foundation

Mais de 200 mil pessoas morrem todos os anos em hospitais dos EUA de formas que poderiam ser evitadas. A Patient Safety Movement Foundation foi estabelecida a partir do apoio da Masimo Foundation for Ethics, Innovation, and Competition in Healthcare com o objetivo de reduzir a zero a quantidade de mortes evitáveis até 2020 (0x2020). O aperfeiçoamento da segurança dos pacientes exigirá um esforço de colaboração de todas as partes envolvidas, o que inclui pacientes, fornecedores de assistência à saúde, empresas de tecnologia médica, governo, empregadores e contribuintes privados. A Patient Safety Movement Foundation atua com todas as partes envolvidas para lidar com os problemas e as soluções no campo da segurança dos pacientes. A fundação também realiza a Cúpula de Segurança de Pacientes, Ciência e Tecnologia (Patient Safety, Science and Technology Summit), evento anual destinado somente a convidados. A próxima cúpula ocorrerá nos dias 22 e 23 de janeiro de 2016 em Dana Point, Califórnia, e reunirá as melhores mentes de nosso país para a realização de debates instigantes e novas ideias que desafiem o status quo. Ao apresentar receitas específicas e de alto impacto para lidar com os desafios da segurança de pacientes, incentivar empresas de tecnologia médica a compartilhar os dados com quem adquire seus produtos e pedir que os hospitais estabeleçam compromissos para implementar soluções acionáveis em segurança de pacientes, a Fundação está trabalhando para alcançar a meta de erradicar as mortes evitáveis até 2020. Visite www.patientsafetymovement.org.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

Contacts

Patient Safety Movement Foundation
Irene Paigah, 858-859-7001
irene@paigah.com

Contacts

Patient Safety Movement Foundation
Irene Paigah, 858-859-7001
irene@paigah.com