Toshiba desenvolve tela de comutação 2D/3D de ultra-alta definição que dispensa uso de óculos empregando tecnologia de lentes de cristal líquido de baixa diafonia

2015 International CES

TÓQUIO--()--Toshiba Corporation:

Resumo

A Toshiba Corporation desenvolveu uma nova tecnologia para telas 3D que não exige que os usuários usem óculos 3D especiais e que utiliza lentes de baixa diafonia1 e alta definição LCD GRIN2 com um painel de LCD 4K de 15 polegadas3. A tecnologia apresenta uma tela altamente portátil e compacta, que pode alternar entre o modo 3D com resolução de alta definição e o modo 2D com resolução 4K de ultra-alta definição. A tecnologia e a nova tela serão apresentadas na exposição “2015 International Consumer Electronics Show”, a ser realizada em Las Vegas de 6 a 9 de janeiro de 2015.

História do desenvolvimento

A Toshiba tem desenvolvido e comercializado no mercado de consumo laptops e televisores 3D de tela grande que dispensam o uso de óculos. As tecnologias estabelecidas na comercialização desses produtos também foram utilizadas para desenvolver produtos especializados para o mercado de negócios profissionais, esforços que culminaram na implementação no mercado da tela médica 3D que dispensa o uso de óculos6.

O desempenho 3D de alto nível exigido em setores B2B geralmente era alcançado em telas 3D profissionais com lentes de plástico especializadas. No entanto, a tela 3D especializada da Toshiba também precisa funcionar como uma tela 2D para usuários que necessitem visualizar imagens 2D. Isso é especialmente importante para dispositivos móveis, nos quais há uma alta demanda de produtos que permitam aos usuários alternarem facilmente entre 3D de alta qualidade e 2D de ultra-alta definição sem necessidade de nenhuma tela adicional.

Sobre a tecnologia

A Toshiba atendeu a essa demanda desenvolvendo um novo sistema de lentes GRIN de cristal de líquido de alta definição e baixa diafonia, que não sofre degradação no brilho da imagem em modo 3D nem deterioração da qualidade da imagem no modo 2D. O sistema de lentes reduz o alinhamento anormal das moléculas de cristal líquido perto dos limites da lente de cristal líquido, reduzindo para 2% a diafonia, em comparação com 5% em telas 3D convencionais. Isso é alcançado otimizando a orientação das moléculas de cristal líquido e o ângulo da lente GRIN de cristal líquido em relação à direção de polarização do painel de cristal líquido. Ao combinar essa tecnologia com um painel LCD 4K de 15 polegadas, a resolução 3D foi mais do que quintuplicada4, tornando possível visualizar imagens 3D de alta qualidade na mesma tela utilizada para obter imagens 2D de ultra-alta definição.

Perspectivas para o futuro

Olhando para o futuro, a Toshiba planeja fundir a nova tecnologia com uma função de comutação 2D/3D parcial que possa ser aplicada a qualquer tamanho e posição de tela, e visa em breve comercializá-la em produtos industriais e médicos B2B que demandam telas 3D que dispensem o uso de óculos de alta definição.

1. Diafonia indica o desempenho de separação de imagens de paralaxe no modo 3D; quanto menor for a diafonia, maior será a definição da tela 3D.
2. GRIN: lente com índice de gradiente. Em uma lente GRIN, a distribuição do índice de refração é formada pela aplicação de uma tensão na célula de cristal líquido.
3. 3.840 × 2.160 pixels.
4. Em comparação com o Dynabook Qosmio T851 (lançado em 2011).

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

Contacts

Assessoria de imprensa da Toshiba:
Toshiba Corporation
Yuu Takase, +81-3-3457-2100
PR & IR Office

Contacts

Assessoria de imprensa da Toshiba:
Toshiba Corporation
Yuu Takase, +81-3-3457-2100
PR & IR Office