Estádio do Maracanã será renovado com recursos do CAF

  • O CAF –banco de desenvolvimento da América Latina- concedeu 121 milhões de dólares ao Estado do Rio de Janeiro para o Projeto de Reforma e Adequação do maior estádio do Brasil.
  • A assinatura aconteceu na sede do Governo do Estado do Rio de Janeiro.

RIO DE JANEIRO--()--O governador do Estado do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral Filho, e a diretora representante do CAF -banco de desenvolvimento da América Latina- no Brasil, Moira Paz Estenssoro, assinaram o contrato de empréstimo de 121 milhões de dólares que o CAF está concedendo para o projeto de reforma e adequação do Estádio Jornalista Mário Filho, melhor conhecido como Maracanã, que será a sede do jogo final e da cerimônia de encerramento da Copa do Mundo de Futebol de 2014 e será a sede principal das Olimpíadas de 2016.

Ao final da cerimônia de assinatura, Moira Paz Estenssoro, diretora do CAF -banco de desenvolvimento da América Latina- no Brasil, ressaltou a contribuição dos centros urbanos como motores para o desenvolvimento da América Latina e destacou a contribuição da Instituição nesse sentido. “A ação do CAF a favor das cidades latino-americanas tem como base uma agenda abrangente que promove o desenvolvimento de programas de investimento que incluem aspectos sociais, econômicos, produtivos, culturais e ambientais”, disse.

O projeto de reforma do Maracanã faz parte destas orientações já que busca melhorar a qualidade de vida da população e promove espaços seguros e modernos para o esporte e o entretenimento sadio e para o turismo, ao mesmo tempo que produz novas oportunidades de emprego e renda, adicionando valor aos produtos turísticos oferecidos. Além disso, Paz Estenssoro destacou que o novo Maracanã incorporará novidades tecnológicas e “tecnologia verde” que permitirão o uso racional da água e o aumento da eficiência energética de forma sustentável.

Em 2010, o CAF criou o Programa de Apoio a Governos Municipais e Estaduais Sedes da Copa do Mundo de Futebol de 2014 no Brasil com um valor de um bilhão de dólares com o objetivo de financiar projetos de infraestrutura econômica e social, serviços básicos e meio-ambiente nas cidades sedes do Mundial. As cidades de Fortaleza, Rio de Janeiro e Manaus foram beneficiadas por este programa.

O CAF – banco de desenvolvimento da América Latina – tem como missão incentivar o desenvolvimento sustentável e a integração regional através do financiamento de projetos dos setores público e privado, o fornecimento de cooperação técnica e outros serviços especializados. Fundado em 1970 e formado atualmente por 18 países – 16 da América Latina e do Caribe junto com Espanha e Portugal- e 14 bancos privados, é uma das principais fontes de financiamento multilateral e uma fonte importante de conhecimento para a região. Mais informação em www.caf.com.

Contacts

Newlink
Isabel Gamarra, 305-532-7950
isabel.gamarra@newlink-group.com
or
CAF, Strategic Communications Division
+58212-2092353/2092315
infocaf@caf.com

Sharing

Contacts

Newlink
Isabel Gamarra, 305-532-7950
isabel.gamarra@newlink-group.com
or
CAF, Strategic Communications Division
+58212-2092353/2092315
infocaf@caf.com